quarta-feira, novembro 14

Lâmpada apagada.

Olá.
Há uns dias eu venho pensando em postar alguma coisa. Mas não postar "qualquer coisa". Na verdade, eu tinha bastante coisa em mente.
Sei lá, eu tenho essa mania de quando estou sem fazer nada, começar a pensar em posts. E eis que eu vivo pensando em algo legal (ou que não seja absolutamente chato) para postar aqui. Mas a raíz do problema consiste na minha "desligação das coisas". É, eu sou desligada.

Tudo bem, eu poderia parar agora e começar a falar sobre o fim do Harry Potter. Eu até iria mesmo falar sobre isso. Mas foi só sentar na cadeira do computador para todas as minhas idéias sobre o livro se esvairem. Assim, fácil, fácil.
E também aconteceu a mesma coisa quando eu pensei em falar sobre os últimos dias na minha escola, sobre alguns acontecimentos recentes, sobre um diário perdido que eu achei recentemente ou sobre alguns pensamentos.

Eles ficam reboando na minha cabeça. Mas na hora de concretizá-los, todos somem. E eu fico me sentindo uma estúpida.

É meio como aquela propaganda, do Banco Itaú, se não me falha a memória: Quando a criatividade bater à sua porta, responda. Ela não costuma chamar duas vezes.

Acho que eu deveria prestar mais atenção nisso. Ou então, viver com um caderninho de anotações sempre a mão.

As idéias, sempre aparecem nas horas que definitivamente "não dá". Eu já cansei de acordar no meio noite, e do nada, vir uma melodia ou uma letra de música, toda formada na minha cabeça, e pensar: "Hey! Isso é legal! Faria sucesso..." mas acabo virando pro lado e dormindo de novo. Quando acordo, não me lembro nem de ter acordado. Ou, voltando da escola, pensando numa história fantástica para rechear um livro. Mas acontece que assim como a música, depois de um tempo ela some, sem nem deixar vestígios.

E que fique a dica.

3 comentários:

Cléo disse...

Adorei o título da postagem. Bem condizente com o conteúdo da mesma.


É meio como aquela propaganda, do Banco Itaú, se não me falha a memória: Quando a criatividade bater à sua porta, responda. Ela não costuma chamar duas vezes.

Eu já pensei em não responder quando a morte bater, mas aí eu me dei conta de que ela pode pular a janela, ou usar os meus sonhos. Tá, não tem nada a ver com o tema do seu post, mas eu tinha de falar isso.

E, tipo, sabe o que é legal? Pelo menos a idéia bate na porta para você, já para mim, nem isso. Acho que estou em uma terrível fase de "falta de inspiração, animação, [insira alguam palavra terminada com "ão" aqui xD]

Acho que deveríamos ter como "prender" as idéias, para elas não escaparem, sumirem, serem apagadas, né? Mas se fizessemos isso, não seríamos leais com elas. Elas também têm sua "liberdade", o direito de ir e vir. xD

E o lance do "caderninho", para mim não funciona, porque eu vou perdê-lo rapidinho. xD

Enfim, até logo, Belequita.

Beijos!

Grazzi Evans disse...

Nossa Beeeeeeele
isso SEMPRE acontece comigo!
as vezes vou durmir pensando no q postar.Sempre fica pra depois e sempre depois acabo esquecendo,hehe
Mas eu tenho um caderno q eu anoto os posts,assim,sempre q tenho uma ideia eu ja vou escrevendo ^^

xoooxx

IsSa disse...

Hey curti seu Blog!!

Tá loko hein, ve se dá uma passadinha no meu de vez em quando!
^^
E é verdade, eu só vou lembrar do que tenho que postar depois que já postei outra coisa!
hahaha
Bjos